Volver a la pagina anteriorVOLVER 


Agaete

Datos geográficos. O municipio de Agaete sitúa-se na zona Noroeste da ilha de Gran Canaria. Dispõe de una superficie total de 45,50 kilómetros cuadrados e seu casco urbano encuentra-se a uma altitud de 43 metros encima do nivel da agua do mar. A pesar da sua reduzida superficie, a topografía de Agaete é, em geral, muito bruta. Dela sobresaem tres cuencas principais: O Risco, Guayedra, e Agaete, alcanzando uma altitude máxima de 1.180 metros na zona da cumbre do Pinar de Tamadaba. É un dos municipios mais visitados e com um volume importante de turismo respeito as demáis zonas do norte da ilha.

Historia. A grande quantidade de jazigos arqueológicos que encuentram-se ubicados em Agaete confirma su relevancia em quanto a existência de importantes asentamentos prehispanicos anteriors a conquista de Gran Canaria, sucedida a finais do século XV, levando-se a cabo uma importante incursião a través do Porto das Nieves, com o fim de completar a conquista da zona norte da ilha. A nova orden económica que se instala na zona graças as plantações de vinhas y potentes ingenhos açucareiros permitiu um rápido povoamento da zona e conectou ao Porto das Nieves com os mercados europeos. A partir do século XVI, Agaete foi escala forçada dos navios com destino ao norte de Europa. Depois deste período de esplendor, Agaete sofre na crises de exportações açucareiras que dura dois séculos, concretamente até o XIX. É neste século quando Agaete volta a viver outra grande época de esplendor comercial, especialmente pela introdução do porco e do tomate. Além disso, a construcção do porto favorece o comercio com 0 resto das islas.

Festas. Um dos principais símbolos da identidade na ilha de Gran Canaria é, sem duvida alguma a festa da Rama, em Agaete, é a festa principal da vila em honra a Nossa Senhora das Nieves, e declarada desde 1972 Festa de Interésse Turístico Nacional. O día 5 de agosto celebra-se a festa principal em honra da Virgen, mas é o día antes, 4 de agosto, quando tem lugar a Festa da Rama, onde miliões de dançantes, ao ritmo das duas bandas de música do municipio, recorrem a vila agitando ramas no ar, até chegar ao santuário da Virgen das Nieves. A Festa da Rama, segúndo algums estudiosos na matéria, podría ter conotações similares ao ritimo para o sucedido. No caso da actual Festa da Rama de Agaete não batem-se as ramas na água, que se entregam à Virgen em sinal da oferta.

 
Volver a la pagina anteriorVOLVER 
©Portaltur v1.0 2005   Aviso legal | Política de Privacidade | Informaçaõ Geral | Adicionar aos favoritos
Interreg III B - Feder