Volver a la pagina anteriorVOLVER 


Teror

Datos geográficos. O município de Teror situa-se nas medianias do norte de Gran Canaria, com uma superfície de 25,70 quilómetros quadrados e a uma altitude de 543 metros sobre o nivel do mar. Teror é um município que se caracteriza pela irregularidade do seu contorno. O grande atractivo da vila de Teror não só se deve à grande devoção que se professa à Virgem del Pino, patroa da ilha. Teror é, além disso, um dos municípios grancanários com maior valor histórico e natural.

Historia. A uma altura de 1.000 metros sobre o nivel do mar, o município de Valleseco situa-se no interior e zona norte da ilha de Gran Canária. Este pequeno município, cuja superfície apenas supera os 22 quilómetros quadrados, encontra-se a 7 kms da vizinha vila de Teror. Nasce no meio de uma paisagem de orografía escarpada, formado por dois profundos barrancos principais, Barranco de Madrelagua e Barranco da Virgem, e um vale central mais seco do qual provém o paradógico nome do município. Apesar do seu nome, Valleseco é uma vila húmida que formou parte do grande bosque de laurisilva que ocupava este município junto aos de Teror, Firgas, Moya e parte dos outros. O município caracterizava-se pelo seu exuberante vegetação. De facto, um 80 % do seu território tem a consideração de Espaço Natural Protegido. A sua importância como paragem natural radica na grande quantidade de montes verdes dispersos pela zona, especialmente nas zonas de riscos e áreas mais inacessíveis.

Festas. A vila de Valleseco conserva o sabor campestre faz séculos. De facto, uma das suas festas mais celebres é a festa da Maçã, em honra a Nossa Señora da encarnação, que se festeja no primeiro domingo de outubro e onde os camponeses agradecem a bondade da terra com uma oferta dos productos recolhidos.

 
Volver a la pagina anteriorVOLVER 
©Portaltur v1.0 2005   Aviso legal | Política de Privacidade | Informaçaõ Geral | Adicionar aos favoritos
Interreg III B - Feder