Volver a la pagina anteriorVOLVER 


¿Qué há para ver em Santa María de Guía?

- O casco histórico, declarado Monumento Histórico-Artístico Nacional em 1982. Entre suas construções destaca a Igreja Parroquial, cuja fachada é de estilo neoclásico e está flanqueada por dos torres laterais. En o interior conservam-se obras de arte de grande importância, entre as que destaca retábulos e imágens do escultor José Luján Pérez, natural deste Municipio.

- A Casa dos Quintana é outra mostra da arquitectura do municipio, situada na Praça Maior de Guía, sua edificação data do secúlo XVII. Destaca o balcão canario-mudejar em madeira e blasão dos apelidos Guanarteme e Quintana.

- A Casa de Néstor Álamo situada na rua San José é um lugar digno de visitar. Trata-se duma vivenda construida no S. XVII. Restaurada recentemente por a Camara Municipal Guía para seu futuro uso como museu do autor. A casa das artesanías é actualmente a sede da oficina de informação turística.

- A Reserva Natural Especial do Brezal, composta, principalmente por laureles, acebiños, brezos, fayas y granadillos.

- O Cenobio de Valerón, um conjunto arqueológico declarado Bem de Interés Cultural em 1978. O Cenobio era um grande graneiro fortaleza aonde a povoação prehispánica armazenava seus excedentes graças às cavidades excavadas na pedra.

- O Tagoror do Galego é outro dos jazigos arqueológicos da Ilha, composto por um área de forma semicircular no que apreciam-se tres tronos realizados em pedra excavada na montanha e rodeados pelo que pudo ser una especie de gradas. Creense que pudo ser um "Palacio de Justicia".

 
Volver a la pagina anteriorVOLVER 
©Portaltur v1.0 2005   Aviso legal | Política de Privacidade | Informaçaõ Geral | Adicionar aos favoritos
Interreg III B - Feder